Tv espinha de peixe News

Após vazamento de mensagens do Telegram, governador de Porto Rico renuncia


Após vazamento de mensagens do Telegram, governador de Porto Rico renuncia
Imagem: Reprodução / NBC News
O governador de Porto Rico, ilha caribenha e território não incorporado aos Estados Unidos, anunciou sua renúncia na noite dessa quarta-feira (24). Ricardo Rosselló disse que deixará o cargo na próxima semana.

"Após escutar as críticas e falar com minha família, tomei a seguinte decisão com desprendimento: hoje lhes anuncio que renunciarei ao cargo de governador na sexta-feira, dia 2 de agosto, às 17h", anunciou o governador em vídeo divulgado no Facebook.

Como o próprio informou, ele será substituído temporariamente pela secretária de Justiça, Wanda Vásquez.

A renúncia de Roselló já era esperada pelos porto-riquenhos que comemoram sua saída do governo. O presidente da Câmara de Representantes, Johnny Méndez, já havia até convocado uma sessão legislativa extraordinária para esta quinta (25), a fim de iniciar o processo de destituição.

Isso ocorre porque há duas semanas, o governador se viu no centro do escândalo chamado de "chatgate". Foram vazadas conversas dele com outros 11 homens no aplicativo Telegram e as mensagens continham comentários ofensivos a jornalistas, homossexuais e mulheres. Segundo o G1, em uma das mensagens, um colaborador de Rosselló se referiu de maneira jocosa às vítimas do furacão Maria, que deixou quase três mil mortos no território americano.

Além da população indignada, artistas como Bad Bunny, Daddy Yankee e Ricky Martin também protestaram pela renúncia. O último, inclusive, foi uma das pessoas ridicularizada nas mensagens - os homens zombavam a orientação sexual do cantor.

Como se não bastasse, o Ministério Público ainda pediu a prisão de seis funcionários do governo, acusados de desviar mais de US$ 15 milhões em fundos federais para recuperação após o furacão ocorrido em 2018.

Nenhum comentário